???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/2549
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Estágio de vivencia no curso de Engenharia Agronômica do IFPA – Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Pará, campus Conceição do Araguaia: relação entre o teórico e o prático
Other Titles: Internship at the Agronomic Engineering course of IFPA - Federal Institute of Science and Technology of Pará, Conceição do Araguaia campus: Relationship between theoretical and practical
???metadata.dc.creator???: BATISTA, Giselle 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Santos, Gabriel de Araújo
???metadata.dc.contributor.referee1???: Santos, Gabriel de Araújo
???metadata.dc.contributor.referee2???: Marino, Tiago Badre
???metadata.dc.contributor.referee3???: Zatorre, Natalia Pereira
???metadata.dc.description.resumo???: A dissertação de mestrado aqui apresentada objetiva refletir sobre o Estágio de vivência, disciplina, comumente adotada nos cursos de Graduação em Engenharia Agronômica do IFPA – Instituto Federal do Pará. O estágio de vivência tem como diferencial a prática associada a convivência, pois, durante o período de Estágio de Vivência, o aluno vive por 15 (quinze) dias numa determinada propriedade, oportunamente, visualizando a teoria apreendida, adquirindo novos conhecimentos e interagindo com a realidade empírica cultural da produção agropecuária, que culmina em um saber concreto fruto de uma investigação científica/prática. Motivando-se na importância do trabalho para uma economia sustentável propícia à atualidade, que tem enfrentado ameaças e obstáculos para unir geração de renda e conservação do meio ambiente, objetiva-se, tendo como parâmetro a pesquisa de campo, impulsionar a metodologia e a didática das relações estabelecidas entre o teórico e o prático, proporcionais ao estágio de vivência do curso e Instituição em estudo, contribuindo assim, para a qualidade da formação acadêmica dos alunos. Para alcançar o objetivo geral, buscou-se: na pesquisa, identificar se os discentes participantes consideram que há a correlação entre os conhecimentos teóricos e práticos, vivenciados durante o estágio de vivência; verificar se as famílias participantes consideram que o estágio de vivência pode contribuir para a formação profissional do acadêmico e quais as vantagens e desvantagens em receber os alunos estagiários e investigar a eficiência do estágio de vivência, sob o olhar dos professores, dos alunos e da comunidade participante, discernindo se os resultados dessa prática comungam com a proposta da formação acadêmica, como previsto no PPC do Curso. Como metodologia de pesquisa, foram realizadas entrevistas semiestruturadas com alunos do curso de Engenharia Agronômica do 3°, 4° e 5° períodos da referida Instituição, com caráter investigativo quantificando-a, sem abandonar a abordagem qualitativa, pois se trata de um estudo da área de ciências sociais. Utilizou-se, também, como convém à pesquisa científica, o respaldo legitimado no referencial teórico na área de pesquisa. Focalizaram-se forças, em estudos e caracterização de áreas para o desdobramento das concepções e estratégias de pesquisa que alcançou em média 50% dos alunos, 30% dos professores do curso e 100% das famílias que receberam os alunos estagiários no ano de 2015/2016. Assim, o universo estudado permite que se entenda a caracterização da pesquisa, como um estudo de caso, pois não puderam interpretar alguns grupos, como um todo, apenas demonstrá-los, impassíveis de estatísticas, ficando a cargo da redatora do estudo, que, também, testemunha, pois é coordenadora de estágio do curso, certas interpretações de dados. Como resultado, pôde-se concluir que, no processo de Estágio de Vivência é possível abrir espaços de reflexões não apenas nas inter-relações entre teoria-prática e na constituição de profissionais reflexivos, mas também pode contribuir na esfera das problematizações circundantes à prática formativa e ao fortalecimento da área de estágio como campo científico.
Abstract: The dissertation presented here aims to reflect on the Internship, discipline, commonly adopted in the courses of Graduation in Agronomic Engineering of IFPA - Federal Institute of Pará. The experience stage has as differential the practice associated with coexistence, since during the period Of EV the student lives for 15 (fifteen) days in a given property, opportunely, visualizing the seized theory, acquiring new knowledge and interacting with the empirical cultural reality of agricultural production, culminating in a concrete knowledge resulting from a scientific / practical investigation. Motivating the importance of the work to a current sustainable economy, which has faced threats and obstacles to unite income generation and conservation of the environment, aims, with field research as a parameter, to boost methodology and didactics Of the relations established between the theoretical and the practical, proportional to the stage of experience of the course and Institution under study, thus contributing to the quality of the students' academic training. In order to reach the general objective, the research sought to identify if the participating students consider that there is a correlation between theoretical and practical knowledge, experienced during the stage of living; To verify if the participating families consider that the internship can contribute to the professional training of the academic and what are the advantages and disadvantages of receiving the trainees and investigating the efficiency of the internship, under the eyes of teachers, students and the community Participant, discerning whether the results of this practice share the proposal of the academic formation, as foreseen in the PPC of the Course. As a research methodology, semi-structured interviews were conducted with students of the Agronomic Engineering course of the 3th, 4th and 5th periods of the referred Institution, with an investigative character quantifying it, without abandoning the qualitative approach, since it is a study of the Area of social sciences. It was also used, as befits scientific research, the legitimized support in the theoretical reference in the research area. Focus was placed on studies and characterization of areas for the development of research conceptions and strategies that reached on average 50% of the students, 30% of the course teachers and 100% of the families that received the trainees in the year 2015 / 2016. Thus, the studied universe allows to understand the characterization of the research, as a case study, because it was not possible to interpret some groups, as a whole, only to demonstrate them, impassible of statistics, being in charge of the study writer, who , Also, it testifies, since it is coordinator of course stage, certain interpretations of data. As a result, it can be concluded that in the process of Stage of Experience it is possible to open spaces for reflection not only in the interrelations between theory-practice and in the constitution of reflexive professionals, but also can contribute in the sphere of the problematizations surrounding the formative practice And the strengthening of the area of training as a scientific field.
Keywords: Estágio de vivência
Ensino-Aprendizagem
Teoria-Prática
Internship
Teaching-Learning
Theory-Practice
???metadata.dc.subject.cnpq???: Educação
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Agronomia
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Educação Agrícola
Citation: BATISTA, Giselle. Estágio de vivencia no curso de Engenharia Agronômica do IFPA – Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Pará, campus Conceição do Araguaia: relação entre o teórico e o prático. 2017. 83 f. Dissertação (Mestrado em Educação Agrícola). Instituto de Agronomia, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, RJ, 2017.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/2549
Issue Date: 3-Jul-2017
Appears in Collections:MESTRADO EM EDUCAÇÃO AGRÍCOLA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017 - Giselle Batista.pdfDocumento principal2.74 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.