???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/2218
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Produção orgânica no município de Seropédica: avaliação de sua sustentabilidade e o seu impacto nos atributos químicos e biológicos do solo
Other Titles: Organic production in the municipality of Seropédica: assessment your sustainability and its impact in chemical attributes and biological soil
???metadata.dc.creator???: NASCIMENTO, Elisamara Caldeira do 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Zonta, Everaldo
First advisor-co: Amaral Sobrinho, Nelson Moura Brasil do
Second Advisor-co: Coelho, Irene da Silva
???metadata.dc.contributor.referee1???: Zonta, Everaldo
???metadata.dc.contributor.referee2???: Schultz, Nivaldo
???metadata.dc.contributor.referee3???: Lima, Érica Souto Abreu
???metadata.dc.contributor.referee4???: Chagas, Célio Ignácio
???metadata.dc.contributor.referee5???: González, José Manoel Febles
???metadata.dc.description.resumo???: O interesse pela agricultura orgânica tem aumentado devido a crescente preocupação da população com a qualidade dos alimentos que consome, pela insegurança provocada pelas crescentes crises alimentares, por contaminação e também visando à preservação ambiental. A agricultura orgânica oferece numerosas vantagens ambientais, comparativamente a agricultura convencional, uma vez que está orientada para melhoria da biodiversidade, restabelecimento do equilíbrio ecológico natural, conservação dos solos e dos recursos hídricos. Portanto, é importante entender como, e se estas melhorias estão ocorrendo no ambiente e nos solos em que os sistemas agrícolas estão instalados comparando-se a demais sistemas de ocupação das áreas. A proposta deste estudo foi avaliar os solos das áreas de produção orgânica do município de Seropédica- RJ, que pertencem a associação de produtores SerOrgânico, assim como áreas de pastagem e de mata preservada. Para isto, o trabalho foi dividido em três capítulos. No primeiro, foi aplicado um questionário baseado no Caderno de Produtores do Ministério da Agricultura para todos os agricultores da associação. Ficou claro que todos os produtores possuem uma grande percepção da importância de se produzir alimentos de qualidade e que eles conhecem as principais técnicas para tal fim. Contudo, as dificuldades pelas quais passam são as mesmas enfrentadas por todos os pequenos produtores brasileiros que são: dificuldade de comercialização, falta de acesso a crédito financeiro e assistência técnica. No segundo capítulo, amostras de solo foram coletadas para avaliação da fertilidade, análise granulométrica, fracioanamento químico e granulométrico da matéria orgânica e análise de diversidade de bactérias por análise independente de cultivo (DGGE). As áreas de agricultura orgânica não apresentaram resultados de fertilidade do solo que expressam os efeitos positivos do sistema de cultivo. Contudo, os atributos que mais afetam a fertilidade das áreas estudadas são pH, Ca, H+ Al, P, Carbono, V%, Argila Total e Grau de Floculação. O fracionamento da matéria orgânica demonstrou que as frações mais estáveis são as que mais se relacionam com o C presente nas áreas avaliadas e, o manejo do solo alterou beneficamente a estrutura das comunidades bacterianas. Já no terceiro capítulo, avaliaram-se os aspectos nutricionais de plantas de milho e tomate do tipo italiano condicionadas a diferentes insumos comerciais a base de fósforo e potássio permitidos para o Sistema orgânico de produção. Tanto as fontes de P, quanto as fontes de K não contribuíram para diferenças no acúmulo de matéria seca e nutrientes nas plantas de tomates e milho, entretanto as médias de produtividade de tomate tipo italiano foram superiores a 44 t/ha-1 quando os tratamentos foram associadas a torta de mamona, mostrando-se estas fontes alternativas viáveis para adubação ao produtor orgânico.
Abstract: Interest in organic agriculture has increased due to growing public concern with the quality of the food it consumes, the insecurity caused by rising food crises contamination and also aimed at environmental preservation. Organic agriculture offers numerous environmental advantages compared to conventional agriculture, since it is geared to improving biodiversity, restoring the natural ecological balance, soil conservation and water resources. Therefore, it is important to understand how and if these improvements are occurring in the environment and the soil in which agricultural systems are installed compared to other systems of occupation of areas. The purpose of this study was to evaluate the soil of organic production farms in the municipality of Seropédica- RJ, belonging to producers of the SerOrgânico organization, as well as areas of pasture and preserved forest. For this, the work was divided into three chapters. In the first, a questionnaire was applied based on the ministry of agriculture producers notebook for all farmers in the association. It was clear that all producers have a great sense of the importance of producing quality food and they know the main techniques for this purpose. However, the difficulties that pass are the same as those faced by all small brazilian producers are marketing difficulties, lack of access to financial credit and technical assistance. In the second chapter, soil samples were collected for evaluation of fertility, grain size analysis, chemical and grain size fracioanamento organic matter and analysis of bacterial diversity by independent analysis of culture (DGGE). The areas of organic farming showed no soil fertility results that express the positive effects of cropping system. However, the attributes that most affect the fertility of the studied areas are pH, Ca, H + Al, P, Carbon, V%, total clay and degree of flocculation. Fractionation of organic matter showed that the more stable fractions are most related to the C present in the evaluated areas and soil management beneficially altered the structure of bacterial communities. In the third chapter, we evaluated the nutritional value of corn plants and italian style tomato conditioned to different commercial inputs of phosphorus and potassium base allowed for organic production system. Both P sources, as for sources of K, did not contribute to differences in the accumulation of dry matter and nutrients in plants of tomatoes and corn, however the italian-type tomato productivity averages were higher than 44 t / ha-1 when treatments they were associated with castor bean, showing that it is a viable alternative sources of fertilizers to organic producers.
Keywords: Organic farming
Agricultura orgânica
Fertilidade do solo
Qualidade do solo
Soil fertility
Soil quality
???metadata.dc.subject.cnpq???: Agronomia
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Agronomia
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Agronomia - Ciência do Solo
Citation: NASCIMENTO, Elisamara Caldeira do. Produção orgânica no município de Seropédica: avaliação de sua sustentabilidade e o seu impacto nos atributos químicos e biológicos do solo. 2016. 153 f. Tese (Doutorado em Agronomia - Ciência do Solo). Instituto de Agronomia, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, RJ, 2016.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/2218
Issue Date: 30-Aug-2016
Appears in Collections:DOUTORADO EM AGRONOMIA - CIÊNCIA DO SOLO

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016 - Elisamara Caldeira do Nascimento.pdfDocumento principal2.34 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.