???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/2114
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: A extensão como instrumento de consolidação da formação do técnico em Recursos Pesqueiros
Other Titles: The extent as technician training consolidation instrument Pesqueiros. Resources
???metadata.dc.creator???: NAKAUTH, Rogério Ferreira 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Gregório, Sandra Regina
???metadata.dc.contributor.referee1???: Gregório, Sandra Regina
???metadata.dc.contributor.referee2???: Bastos, Ana Mena Barreto
???metadata.dc.contributor.referee3???: Abreu, João Batista Rodrigues de
???metadata.dc.contributor.referee4???: Abboud, Antonio Carlos de Souza
???metadata.dc.description.resumo???: Considerando que a vivência de atividades práticas e a troca de experiência entre comunitários e estudantes podem contribuir para a aprendizagem e incrementar o significado do conhecimento técnico, este trabalho teve como objetivo geral utilizar a extensão comunitária como ferramenta de ensino e aprendizagem, para difusão de boas práticas no processo de elaboração de farinha de peixe “piracuí”, visando o fortalecimento da formação profissional do técnico em Recursos Pesqueiros. Os sujeitos desta pesquisa foram dez alunos do ultimo ano, os quais participaram de oficinas pedagógicas sobre Boas práticas na manipulação de alimentos e Elaboração de Piracuí. Após as oficinas os estudantes foram levados à comunidade rural onde observaram o processo de fabricação in loco e fizeram uma análise dos pontos críticos passíveis de intervenção. Após contextualização dos saberes técnico e cultural a cerca do processo, os estudantes voltaram à comunidade para realizar ação de intervenção sobre o processo produtivo visando melhoria da qualidade do produto final. O conhecimentocontextualizado, por meio das atividades realizadas foi verificado mediante utilização de questionário com Escala Likert aplicado em dois momentos (T incial: antes das oficinas; e T final: após o término do projeto) e por meio da elaboração de mapas conceituais em três momentos (T1: antes das oficinas; T2: antes da ação de intervenção e T3: após o termino do projeto). Foi realizada a caracterização físico-química e microbiológica do piracuí produzido na comunidade. Os resultados apontam aumentode 0,26 na média geral da pontuação atribuída às afirmativas, e 90% dos alunos apresentaram média crescente entre os tempos inicial e final. A redução do coeficiente de variação das médias dos alunos de 30,8% (tempo inicial) para 28,2% (tempo final) indica maior homogeneidade entre as respostas para as diferentes afirmativas. Analisando-se as afirmativas, 18% obtiveram respostas abaixo de 3,5 (não concordo nem discordo) no tempo inicial, e no tempo final esse percentual reduziu-se para 13,6% demonstrando maior segurança dos estudantes ao posicionarem-se em relação aos conhecimentos apresentados. Os mapas conceituais se mostraram bons instrumentos de avaliação, contudo os estudantes apresentaram dificuldades na construção dos diagramas, estabelecimento de preposições e verbos nas ligações conceituais. Apesar disso, observou-se ligeiro enriquecimento nas interligações conceituais após a realização da contextualização entre os saberes e a intervenção na comunidade. As espécies utilizadas na produção do piracuí foram Surubim (Pseudoplatystoma fasciatum) e Pirarara (Phractocephalus hemiliopterus), as quais apresentaram a seguinte composição centesimal, respectivamente: proteína 70,74 e 70,35%; lipídios totais 7,67 e 8,93%; umidade 16,0 e 15,50%; carboidratos 1,02 e 0,96%; minerais 4,57 e 4,26% e energia 356,04 e 365,64 Kcal/EB/100g. Após análise microbiológica não foi verificada contaminação nas amostras de piracuí produzidas pela comunidade antes ou após a intervenção do projeto, indicando que o procedimento artesanal resultou em produto final apto ao consumo. Os resultados indicam que a realização de oficinas pedagógicas associadas à vivência prática junto à comunidade rural contribuiu para apropriação do conhecimento de forma significativa relativo à produção de piracuí entre os alunos participantes da pesquisa e valorização do saber tradicional existente na comunidade rural (Nossa Senhora do Desterro, Parintins, AM).
Abstract: Taking into that experience of practical activities and exchange of experience between community and students can contribute to learning and increase the meaning of technical knowledge, this study aimed to use the extension community as important tool for teaching-learning process, diffusion of good practices in fish meal preparation process "piracuí", aiming at strengthening the training of technician Fishery Resources. The subjects were ten students from last year, which participated in educational workshops on good practices in food handling and piracuí elaboration. After the workshops the students were taken to the rural community where they observed the manufacturing process on site and made an analysis of the critical points susceptible to intervention. After contextualization of technical and cultural knowledge about the process, the students returned to the community to conduct intervention action on the production process to improve the quality of the final product. Knowledge contextualized, through the activities was verified by using a questionnaire with Likert Scale applied in two stages (T Initial: before the workshops, and Tend : after completion of the project) and through the development of conceptual maps in three moments (T1: before workshops; T2: before the intervention and T3 : after the end of the project). Was held the physical-chemical and microbiological characterization of piracuí produced in the community. The results show an increase of 0.26 in average score to the affirmative, and 90% of students had shown average growth between the start and end times. The reduction in the coefficient of variation in students average from 30.8% (initial time) to 28.2% (end time) indicates greater homogeneity among the answers to the different statements. Analyzing the affirmative, 18% got answers smaller than 3.5 (neither agree nor disagree) at initial time, and at end time this percentage decreased to 13.6% demonstrating greater safety of students to position themselves in relation the knowledge presented. Concept maps have shown good assessment tools, but the students had difficulties in the construction of diagrams, in choosing prepositions and verbs, and establishing of conceptual links. Nevertheless, there was slight enrichment in the conceptual interconnections after the completion of contextualization of knowledge and intervention in the community. The species used in the production of piracuí were surubim (Pseudoplatystomafasciatum ) and Pirarara (Phractocephalushemiliopterus), with the following chemical composition, respectively: protein 70.74 and 70.35%; total lipids 7.67 and 8.93%; moisture 16.0 and 15.50%; carbohydrates 1.02 and 0.96%; Minerals 4.57 and 4.26% and 356.04 and 365.64 Kcal / EB / 100g. After microbiological analysis was not observed contamination in samples piracuí produced by the community before or after the intervention of the project, indicating that the farmhouse production has resulted in a final product suitable for consumption. The results indicate that the realization of educational workshops related to practical experience with the rural community, contributed to appropriation of knowledge significantly on the production of piracuí among participating students research and enhancement of existing traditional knowledge in the rural community (Nossa Senhora do Desterro, Parintins, AM).
Keywords: nutritional value
Fish Flour
microbiology
Valor nutricional
Farinha de piracuí
microbiologia
???metadata.dc.subject.cnpq???: Educação
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Agronomia
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Educação Agrícola
Citation: NAKAUTH, Rogério Ferreira. A extensão como instrumento de consolidação da formação do técnico em Recursos Pesqueiros. 2016. 75 f. Dissertação (Mestrado em Educação Agrícola). Instituto de Agronomia, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, RJ, 2016.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/2114
Issue Date: 29-Jun-2016
Appears in Collections:MESTRADO EM EDUCAÇÃO AGRÍCOLA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016 - Rogério Ferreira Nakauth.pdfDocumento principal1.93 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.