???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/2445
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Produção florestal e agricultura familiar: o caso da Região Serrana fluminense
Other Titles: Forestry production and family farming: the case of the Serrana Region of Rio de Janeiro
???metadata.dc.creator???: CÔRTES, Raíssa Tamassia 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Magalhães, Luís Mauro Sampaio
???metadata.dc.contributor.referee1???: Freitas, Welington Kiffer de
???metadata.dc.contributor.referee2???: Cavalcanti, Francisco José de Barros
???metadata.dc.description.resumo???: O presente estudo procura apresentar a dinâmica da produção florestal em propriedades de agricultura familiar, no sentido de compreender a prática do manejo usual nessas propriedades, perceber os interesses dos produtores nas atividades florestais, e a capacidade dessas atividades para abastecer o mercado local de madeira. A Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro foi escolhida como área de estudo pois sua estrutura fundiária se caracteriza pela predominância de pequenas propriedades rurais, de produção principalmente familiar. Esta região se destaca por ter a segunda maior área de plantios de reflorestamento do Estado, e tem como foco principal o abastecimento do mercado local. Visto que o tema da produção florestal familiar tem sido pouco discutido no âmbito acadêmico, este trabalho se caracteriza como uma pesquisa exploratória, a partir de um estudo de caso coletivo. A presença ou ausência da atividade florestal nas pequenas propriedades da região, bem como as relações de oferta e demanda de produtos madeireiros a nível local foram obtidas de dados secundários. Já a análise do sistema silvicultural utilizado pelos produtores, em termos de manejo e custos de produção, foi realizada a partir das informações obtidas dos depoimentos de técnicos e produtores locais. Neste trabalho, notou-se que a produção florestal que ocorre em propriedades de agricultura familiar na Região Serrana apresenta potencial para abastecer o mercado local de madeira. As atividades florestais têm grande importância para a diversificação da paisagem rural e no combate à extração ilegal de madeira nativa de florestas tropicais. Ainda há muita resistência a essas atividades por parte dos agricultores, visto o histórico da expansão dos monocultivos de eucalipto. Outras espécies com potencial silvicultural, e adequadas ao sistema de manejo existente nas pequenas e médias propriedades, devem ser estudadas para atender as demandas do mercado. A inserção do elemento florestal deve trazer um resgate e um respeito ao manejo tradicional e à forma como as atividades são realizadas dentro de cada propriedade, na vivência de cada família, no caminho em direção a atividades mais sustentáveis.
Abstract: This study seeks to present the dynamic of forestry production in family farming properties, to comprehend their practice of usual management, to apprehend the producers’ interests in forestry activities, and the capacity that these activities have to provide wood for the local market. The Serrana Region of Rio de Janeiro State was chosen as study area because in it land structure predominates small rural properties, of family farming. This Region has the second major reforestation area of the State. As the topic of family forestry production has been little discussed in academic level, this essay is an exploratory research, with a collective case study. The presence or absence of forestry activities in the small properties of the region, as well as the supply and the demand of wood products in local level was obtained through secondary data. The analysis of the family producers’ silvicultural system, in terms of management and production costs, availed information collected through interviews with technicians and local farmers. The study showed that the forestry production in familiar farming in the Serrana Region has potential to supply the wood local market. The forestry activities has great value to diversify the rural landscape and combating illegal logging of tropical forests. There is still a lot of resistance to these activities by farmers, given the history of eucalyptus monoculture expansion. Other species with silvicultural potential, and suitable to the small and medium farmers management, should be studied to meet the market demands. The forest element must bring a ransom and a respect to the traditional management and the way the activities are performed into each farm, in the life of each family, in the way of more sustainable activities.
Keywords: Produção florestal
Agricultura familiar
Silvicultura familiar
Forestry production..
Family farming
Familiar silviculture
???metadata.dc.subject.cnpq???: Ciências Agrárias
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Florestas
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Práticas em Desenvolvimento Sustentável
Citation: CÔRTES, Raíssa Tamassia. Produção florestal e agricultura familiar: o caso da Região Serrana fluminense. 2017. 78 f. Dissertação (Mestrado em Práticas em Desenvolvimento Sustentável). Instituto de Florestas, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, RJ, 2017.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/2445
Issue Date: 25-Apr-2017
Appears in Collections:MESTRADO PROFISSIONAL EM PRÁTICAS EM DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017 - Raíssa Tamassia Côrtes.pdfDocumento principal2.62 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.