???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/tede/585
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Fatores Antinutricionais em Três Espécies de Leguminosas Forrageiras.
Other Titles: Antinutritional Factors in Three Forage Legumes Species.
???metadata.dc.creator???: Nepomuceno, Delci de Deus 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Almeida, João Carlos de Carvalho
First advisor-co: Carvalho, Mário Geraldo de
???metadata.dc.description.resumo???: Este trabalho foi dividido em três capítulos, o primeiro realizou-se com o objetivo de identificar as classes de metabólitos secundários presentes em três leguminosas forrageiras Pueraria phaseoloides (kudzu tropical), Macrotyloma axillare (macrotiloma) e Neonotonia wightii (soja perene). Metabólitos estes, que quando presentes em plantas podem provocar efeitos adversos ao animal ocasionando diminuição na ingestão, digestão e biodisponibilidade de nutrientes os que lhes conferem a denominação de fatores antinutricionais, estes efeitos podem repercutir de forma sistêmica acarretando diminuição do desempenho animal ou rebanho. Para este estudo foi realizada a prospecção fitoquímica, análise de Ressonância Magnética Nuclear de Hidrogênio (RMN 1H) e Espectroscopia no Infravermelho (IV). Foram identificadas as seguintes classes de metabólitos secundários: ácidos orgânicos, açúcares redutores, depsídios e depsidonas, derivados da cumarina, esteróides e triterpenóides, saponinas, glicosídeos cardíacos, sacarídeos e taninos nas três espécies estudadas. O kudzu tropical e soja perene apresentaram ainda sinais compatíveis para a presença de alcaloides. As classes de metabólitos secundários estudadas apresentam compostos com efeitos antinutricionais para os animais, alguns destes efeitos são dependentes da quantidade ingerida e da espécie animal como o caso dos sacarídeos e acúcares redutores que possuem efeitos antinutricionais em monogástricos segundo literaturas consultadas. O segundo capítulo deste trabalho teve como objetivo quantificar o teor de tanino condensado através da Reação de Stiasny e avaliar a estabilidade in vitro da espuma formada pelas leguminosas, kudzu tropical, macrotiloma e soja perene. Para a quantificação do tanino, foram tomados em separados as porções, planta inteira, folhas e haste, utilizou-se um delineamento inteiramente casualizado com parcelas subdivididas alocando-se as leguminosas nas parcelas e as porções nas subparcelas. A média do resultado obtido foi submetida à análise de variância e comparadas pelo Teste de Tukey (P<0,05), os efeitos das interações entre leguminosas e porções foram desdobrados pelo teste de Tukey (P<0,05) a avaliação da produção e estabilidade da espuma in vitro foi realizada devido à espuma produzida por leguminosas ser referida como possível agente etiológico do meteorismo espumoso em ruminantes. Neste estudo utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado em parcelas subdivididas com três repetições cada, onde as porções compostas por planta inteira, folhas, e haste e o extratos metanólico bruto foram consideradas as parcelas e o tempo de repouso (0, 5, 10, 30 e 60min) onde aferiu-se o volume as subparcelas. O resultado referente ao volume produzido e conservado durante o tempo de repouso foi submetido à análise de variância e as médias de cada porção dentro de cada tempo foram comparadas pelo teste de Tukey (P<0.05) o efeito do volume conservado durante o tempo e a interação entre leguminosas e tempo de aferição foi desdobrados pela análise de regressão e a interação da estabilidade da espuma formada foi avaliada em função da porcentagem de espuma remanescente. Como resultado deste estudo o teor de tanino condensado variou de 1 a 1,6%. Quanto à estabilidade da espuma produzida pelas porções planta inteira, folha, haste e extrato metanólico das leguminosas foi considerada estável para as porções referentes à soja perene e macrotiloma, entretanto o kudzu apresentou um resultado significativo para a estabilidade da espuma para as quatros porções em estudos, gerando as equações de regressão y=-2,0111x44,984 para a porção folha; y= -2,4x37,957 para a porção haste; y= -2,9049x31,779 para a porção planta inteira e para o extrato metanólico a equação y= -15,383x 125,31. O objetivo da realização do terceiro capítulo deste estudo foi avaliar a associação de fungos com as leguminosas: Pueraria phaseoloides (kudzu tropical), Neonotonia wightii (soja perene), Macrotyloma axillare (macrotiloma), Calopogonium mucunoides (calopogônio) e Arachis pintoi cv.amarillo (amendoim forrageiro) devido à presença de substâncias encontradas depositadas sobre as folhas das leguminosas as quais conferiram aspecto repugnante para inclusão na alimentação animal. Para esta avaliação foram utilizados os elementos de reprodução amorfas dos fungos de acordo com as metodologias de Barnett e Hunter, (1990) e Pitt e Hocking, (1997). Na identificação observaram-se a macroscopia e microscopia dos fungos utilizando Imprint com fitas adesivas ou lamínulas de vidro, NaOH e Azul de algodão, diretamente do material obtido das leguminosas e das colônias desenvolvidas em Agar Sabouraud Dextrose e Agar Simples, sendo identificados os fungos Alternaria spp, Phitomyces chartarum, Nigrospora spp, Cladosporium spp, Mucor spp, Fusarium spp, Pseudomicrodochium spp, Tetraploa spp, Acremonium spp, Aspergillus niger, Curvularia spp e Micélia sterília.
Abstract: This work was divided into three chapters; the first one was carried out for identifying secondary metabolites classes on three forage legumes: Pueraria phaseoloides (puero), Macrotyloma axillare (archer) and Neonotonia wightii (perennial soybean). These sorts of metabolites when present in plants may cause to animal adverse effects resulting ingestion and digestion decreasement and nutrients bioavailabity named antinutritional factors as well as may systematically induce to animal or herd performance decreasement. For this stud, phytochemical prospection, Nuclear Magnetic Resonance Analysis (NMRA) and Infrared Spectroscopy (IS) were performed. Following secondary metabolites classes: organic acids, reducing sugars, depsidians and depsidones, coumarine derivatives, steroids and triterpenoids, saponins, cardiac glycosides, saccharides and tannins on three forage legumes species were identified. Puero e perennial soybean for alkaloids presence were compatible. According bibliographic references, secondary metabolites classes have presented antinutritional effects compounds, some of totally dependent on intake and specie like reducing sugars and saccharides responsible for antinutritional effects on monogastric animals as well. The second chapter of this survey was carried out for quantifying condensed tannin content by Stiasny Reaction and for evaluating puero, archer and perennial soybean in vitro foam stability. For tannin quantification separated portions of entire plant, leaves, and stem by Simple Randomized Design with legumes allocated on subdivided parcels and portions on subparcels was used. By analysis of covariance, obtained result average, as well as interactions effects between legumes and portions by Tukey Test (P<0.05) were achieved. In vitro foam stability and yielding evaluation due to produced foam by legumes considered ruminant foamy meteorism potential etiological agent was performed. Simple Randomized Design consisting by subdivided parcels with three replications each was carried out where portions were composed by entire plant, leaves and stem as well as crude methanol extract related to parcels and remaining time (0, 5, 10, 30 and 60 minutes) for monitoring volume to subparcels. By Tukey Test (P<0.05) each portion averages within each time were compared and by analysis of variance results related to volume and remaining time were submitted to. By statistical analysis of Regression, saved volume effect during time and legumes interaction and checking time were evaluated as well as foam stability interaction in relation to remaining foam was estimated. Condensed tannin content ranged from 1 to 1.6%. In regard to perennial soybean and archer, foam stability produced by entire plant, leaves, stem and legumes methanol extract was considered constant, nevertheless puero showed significative result, creating the following regression equations y= -2.0111x 44.984 for leaf; y= -2.4x 37.957 for stem; y= -2.9049 x 31.779 for plant entire and y= -15.383x 125.31 for methanol extract. The aim of third chapter was to evaluate fungi association to legumes: Pueraria phaseoloides (puero), Neonotonia wightii (perennial soybean), Macrotyloma axillare (archer), Calopogonium mucunoides (calopo) and Arachis pintoi cv Amarillo (pinto), however, due to substances over legumes leaves presenting disgusting feature they have been considered unappropriate to animal feeding. According Barnett and hunter (1990) and Pitt and Hocking (1997) fungi amorphous reproduction elements were used. For fungi macroscopic and microscopic identification, Imprint tape technique, NaOH and blue cotton were used. The following fungi: Alternaria spp, Phitomyces chartarum, Nigrospora spp, Cladosporium spp, Mucor spp, Fusarium spp, Pseudomicrodochium spp, Tetraploa spp, Acremonium spp, Aspergillus niger, Curvularia spp and Micelia sterilia were reported, at all.
Keywords: fungos
metabólitos secundários
meteorismo espumoso.
fungi
secondary metabolites
foam meteorism.
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::PRODUCAO ANIMAL
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Produção Animal
???metadata.dc.publisher.program???: Curso de Pós-Graduação em Zootecnia
Citation: NEPOMUCENO, Delci de Deus. Antinutritional Factors in Three Forage Legumes Species.. 2009. 78 f. Dissertação (Mestrado em Produção Animal) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, 2009.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/tede/585
Issue Date: 13-Jan-2009
Appears in Collections:Mestrado em Zootecnia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2009 - Delci de Deus Nepomuceno.pdf2.53 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.