???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/tede/566
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Identificação de novas espécies com potencial para a criação em cativeiro: pescado capturado no estado do Amazonas
Other Titles: Identification of new species with farming potential: fishes captured in the state of Amazonas
???metadata.dc.creator???: Costa, Tiago Viana da 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Oshiro, Lidia Miyako Yoshii
???metadata.dc.description.resumo???: A região Amazônica possui cerca de 40 espécies de peixes sendo exploradas e comercializadas diariamente, nos principais mercados e feiras. A pesca na região é basicamente artesanal, direcionada a um número diminuto de espécies, causando uma sobreexplotação em determinados estoques pesqueiros. No entanto, algumas espécies apresentam características para serem criadas em cativeiro, o que ajudaria a diminuir a pressão da pesca sobre as mesmas. Com o objetivo de identificar novas espécies para a criação em cativeiro, foram analisadas variáveis pesqueiras a partir do banco de dados central do Projeto Manejo dos Recursos Naturais da Várzea, sendo utilizado os dados de 2001 a 2004, permitindo a identificação dos pescados mais capturados na calha do Rio Solimões/Amazonas. A análise dos dados revelou que as 10 primeiras categorias de pescado mais capturadas correspondiam em média 82,46% do volume total capturado no estado do Amazonas, destacando-se a ordem dos Characiformes, com 78,34% das capturas. A abundância de pescado depende diretamente das variações ocorridas no ambiente (pulso de inundação), fato este que contribui para oscilação no preço e inconstância de oferta de algumas espécies de pescado durante o período de cheia. A piscicultura poderá vir justamente suprir esta carência do mercado e diluir a pressão nos estoques naturais. As informações obtidas no ProVárzea/Ibama juntamente com os dados de piscicultura do estado e da exportação de pescado, levantados junto a SEAP/PR e Núcleo de Recursos Pesqueiros do Ibama/AM destacaram-se o aruanã e o mapará como espécies potenciais para a piscicultura. As análises envolvendo a captura por unidade de esforço revelaram uma produtividade de 11-20 Kg/pescador/dia para o aruanã, que é a quinta categoria mais capturada no estado (3,83% do total) e a sétima na lista de exportação; e 21-31 Kg/pescador/dia para o mapará, décima categoria mais capturada e a terceira na lista de exportação. Já as análises de rendimento de carcaça e da composição química e da qualidade do pescado, revelaram que o carnívoro aruanã, capturado basicamente na seca e que teve seu filé como principal produto comercializado, apresentou um rendimento de 29,15 ± 1,48%, com as análises químicas que o caracterizam como um pescado magro (0,08% gordura) com alto teor protéico (15,19 %PB). O planctófago mapará, despescado ao longo de todo ano, apresentou um rendimento de filé de 53,04 ± 1,40% e a análise química permitiu classificar este pescado como gordo (21,21% de gordura) e de baixo valor protéico (12,85 %PB).
Abstract: The Amazon region has around 40 species of fishes being explored and commercialized daily, especially in markets and fairs. Fisheries are basically artisanal, directed towards a small number of species, causing the over exploitation of certain fishing stocks. However, some species have certain characteristics for farming, which would help diminish the fishing pressure over these species. With the objective of identifying new species for farming, fishing variables were analyzed from the Várzea Natural Resource Management Project s data base. The gathering of information took in consideration the years from 2001 to 2004, allowing the identification of fisheries captured along the main channel of the Amazon river. Data analyses revealed that the 10 main most captured fish categories, were responsible for 82,46% of the total volume captured in the state of Amazonas, with special reference to the order of the Characiforms, representing 78,34% of the captures. The abundance of fishery resources depends directly on the environmental variations (inundation), fact that contributes to the oscillation of the price and inconstancy of the availability some species of fishes during the flooded season. Fish farming can precisely compensate this need of the market and dilute the pressure over the natural stocks. The informations obtained from ProVárzea/Ibama about fish farming data in the State and the fisheries exportation of fisheries, gathered from SEAP/PR and Fishery Resource Center of Ibama/AM, the aruanã and mapará can be pointed out as species with farming potential. The analyzes involving captur per unit effort revealed a productivity of 11-20 Kg/Fisherman/Day for the aruanã, which is the fifth category most captured in the state (3,83% of the total) and the seventh of the exportation list; and 21-31 Kg/Fisherman/Day for the mapará, tenth most captured species and the third in terms of exportation. The analyses of carcass profit and chemical composition and quality of fishes, revealed that the carnivorous aruanã, captured mainly in the dry season and that had its filet as the main commercialized product, presented a profit of 29,15 ± 1,48%, with the chemical analyses, characterizing it as a low fat fish (0,08%) with high protein value (15,19 %). The planktophagous mapará, captured throughout the year, presented a profit of its filet of 53,04 ± 1,40% and the chemical analyses allowed the classification of this fish as fat (21,21% fat) with low protein value (12,85 %).
Keywords: Aruanã
cultivo
Mapará.
Aruanã
fish farming.
???metadata.dc.subject.cnpq???: Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Zootecnia
???metadata.dc.publisher.program???: Curso de Pós-Graduação em Zootecnia
Citation: COSTA, Tiago Viana da. Identificação de novas espécies com potencial para a criação em cativeiro: pescado capturado no estado do Amazonas. 2006. 78 f. Dissertação (Mestrado em Produção Animal). Instituto de Zootecnia, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, 2006.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/tede/566
Issue Date: 28-Jul-2006
Appears in Collections:Mestrado em Zootecnia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2006- Tiago Viana da Costa.pdf1.03 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.