???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/tede/14
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Biomonitoramento dos extratos brutos e das frações glicoacaloidais de seis espécies do gênero Solanum frente à Artemia salina e ao caramujo Biomphalaria glabrata e as reações com o alcalóide solasodina de Solanum crinitum
???metadata.dc.creator???: LOPES, Grazielle 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Lima, Áurea Echevarria Aznar N.
First advisor-co: Silva, Tânia Maria Sarmento da
???metadata.dc.description.resumo???: Este trabalho relata o estudo da atividade biológica dos extratos brutos e das frações glicoalcaloidais de seis espécies do gênero Solanum, S. crinitum, S. seforthianum, S.capsicoides, S. variable, S. americanum, S. lycocarpum frente ao microcrustáceo Artemia salina e ao caramujo Biomphalaria glabrata. A fração glicoalcaloidal de Solanum crinitum, foi monitorada por CLAE-EM sendo verificada a presença de três diferentes glicoalcaloides, bem como foi realizada a comparação química das frações de plantas coletadas em João Pessoa-PB e Seropédica-RJ observando-se o mesmo perfil. Desta espécie, isolou-se o alcalóide esteroidal solasodina, com o qual foram realizadas reações de oxidação e esterificação, sendo que na segunda utilizou-se a metodologia clássica e também irradiação em forno de microondas, na presença de diferentes catalisadores. As técnicas espectroscópicas de IV, RMN de 1H e 13C e também CG-EM, foram utilizadas para identificar e caracterizar os produtos obtidos nas reações. Os ensaios frente a Artemia salina mostraram que, tanto os extratos brutos como as frações glicoalcaloiais apresentaram toxidez significativa, sendo as frações de S. seaforthianum e de S. crinitum, as mais tóxicas. Diante do ensaio moluscicida, todos os extratos brutos e algumas das frações glicoalcaloidais não apresentaram atividade significativa. Porém, as frações de S. seaforthianum e S. crinitum, mostraram bastante ativas, podendo este efeito ser correlacionado aos resultados do ensaio de toxidez geral.
Abstract: The biological activity of crude extracts and glycoalkaloidal fractions of six Solanum species, S. crinitum, S. seafothianum, S. variable, S. capsicoide, S. americanum and S. lincocarpum, was related in this work against Artemia salina microcrustace and Biomphalaria glabrata snail. The S. crinitum glycoalkaloidal fraction was HPLC-MS monitored and three different glycoalkaloids were verified. The S. crinitum collected plants, from João Pessoa (PB) and Seropédica (RJ), were compared and a similar chemical profile was observed. The steroidal alkaloid solasodine was isolated from S. crinitum and utilized on oxidation and sterification reactions. In the last reactions the microwave irradiation was also utilized in the presence of several catalysts. The NMR 1H, 13C and IR spectroscopic techniques and the GC-MS were used to characterize the products. The crude extracts and fractions of Solanum species were assayed against Artemia salina and the result had showed a significant toxicity. The S. seaforthianum and S. crinitum glycoalkaloidal fractions were the most actives. All crude extracts of Solanum species and four glycoalkaloidal fractions haven t presented significant activity against Biomphalaria glabrata snails. However, the S. seafothianum and the S. crinitum fractions showed effective moluscicidal activities and these results have led us a good correlation ship with Artemia salina assays.
Keywords: solasodina
esterificação, Solanum crinitum
???metadata.dc.subject.cnpq???: Química
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Ciências Exatas
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Química
Citation: LOPES, Grazielle. Biomonitoramento dos extratos brutos e das frações glicoacaloidais de seis espécies do gênero Solanum frente à Artemia salina e ao caramujo Biomphalaria glabrata e as reações com o alcalóide solasodina de Solanum crinitum. 2005. 89 f. Dissertação (Mestrado em Química Orgânica). Instituto de Ciência Exatas, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, RJ, 2005.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/tede/14
Issue Date: 25-May-2005
Appears in Collections:MESTRADO EM QUÍMICA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2005 - Grazielle Lopes.pdfDocumento principal852.8 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.