???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/3239
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Avaliação de características de adaptabilidade de caprinos exóticos na Baixada Fluminense, Estado do Rio de Janeiro
Other Titles: Evaluation of adaptability characteristic of exotic goats in the Baixada Fluminense, Rio de Janeiro State
???metadata.dc.creator???: MEDEIROS, Luís Fernando Dias 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Rodrigues, Victor Cruz
???metadata.dc.contributor.referee1???: Rodrigues, Victor Cruz
???metadata.dc.contributor.referee2???: Modesto, Elisa Cristina
???metadata.dc.contributor.referee3???: Araújo, Alexandre Herculano B. de
???metadata.dc.contributor.referee4???: Gesualdi Júnior, Antônio
???metadata.dc.contributor.referee5???: Veríssimo, Cecília José
???metadata.dc.description.resumo???: Objetivou-se neste estudo avaliar os parâmetros fisiológicos (temperatura retal - TR, superficial - TS, frequência respiratória - FR e cardíaca - FC), o gradiente térmico (gradiente entre a temperatura retal e a temperatura superficial e do gradiente entre a temperatura superficial e a temperatura ambiente) e os testes de tolerância ao calor de Rhoad ou de Ibéria, Benezra, Dowling quantificado pela fórmula de termorregulação de Ittner e Kelly, Rauschenbach e Yerokhin, Amakiri e Funcho e de Baccari Júnior, em caprinos de raças exóticas do tronco africano (Anglo-nubiana e Boer) e das raças do tronco europeu (Saanen e Parda Alpina), além dos mestiços oriundos dessas raças exóticas, criados em regime semi-intensivo. Todos os ensaios foram realizados sob as condições de clima tropical úmido, região Metropolitana do Rio de Janeiro, Baixada Fluminense, Estado do Rio de Janeiro. Em um dos ensaios, foi avaliado o crescimento e a taxa de mortalidade de cabritos mestiços de diferentes combinações genéticas. A diferença entre as médias da TR, TS, FR e FC entre as raças do tronco europeu (Saanen e Parda Alpina) em comparação as do tronco africano (Anglo-nubiana e Boer) notadamente no período da tarde, evidenciam que existem diferenças genéticas nas reações fisiológicas nos caprinos, durante a época quente e chuvosa, nos trópicos. As raças europeias revelaram no presente estudo, mais sensíveis ao estresse térmico. No estudo do gradiente térmico, os animais das raças Anglo-nubiana e Boer mostraram-se mais adaptados em comparação aos das raças Saanen e Parda Alpina menos adaptados, nas condições experimentais. No presente estudo, os caprinos do tronco europeu mostraram-se inferiores aos caprinos do tronco africano, quando foram submetidos aos testes de tolerância ao calor de Rhoad ou Prova de Ibéria, Benezra, Dowling, Rauschenbach e Yerokhin, Amakiri e Funcho e Baccari Júnior. A diferença na reação fisiológica entre os caprinos do tronco europeu e do tronco africano, mediante as referidas provas de adaptabilidade, evidencia que deve haver diferenças genéticas de atributos anatomofisiológicos que afetam a termorregulação dos animais. Nas condições da região Metropolitana do Rio de Janeiro, os animais podem sofrer situações críticas para o seu desenvolvimento. A incidência da radiação solar indireta e principalmente a direta, tanto pela manhã como no período da tarde, afetaram menos os caprinos das raças do tronco africano ou os mestiços com maior percentual de genes africanos do que os das raças do tronco europeu puros e os de alta mestiçagem, com maior percentual de genes europeus, que se revelaram no presente estudo mais sensíveis ao estresse térmico. A utilização das raças Anglo-nubiana e Boer em ensaio direto com o objetivo de incrementar a produtividade caprina no clima quente e úmido pode ser uma alternativa valiosa na região Metropolitana do Rio de Janeiro, Baixada Fluminense.
Abstract: One aimed with this work evaluate the physiologic parameters (rectal temperature - RT, superficial - ST, respiratory frequency - RF and cardiac frequency - CF), thermal gradient (gradient between rectal temperature and the superficial temperature and the gradient between superficial temperature and air temperature) and the heat tolerance rate of Rhoad, Benezra, Dowling quantify by formula of Ittner & Kelly, Rauschenbach & Yerokhin, Amakiri & Funcho and Baccari Júnior, of exotic breeds of goats from African origen (Anglo-nubian and Boer) and european goats (Saanen and Alpine), beyond their cross breed, in semi-intensive system. All the experiments were accomplished by humid tropical climate, Metropolitan region of Rio de Janeiro, Baixada Fluminense, Rio de Janeiro State. It was evaluate the growth and mortality rate of cross breed goats of different genetic combination. The mean difference between RT, ST, RF and CF between the European goats in comparison to the African goats, in afternoon period, showed there were genetics differences in the physiologic reaction in goats, during the hot and rainy season, in tropics. The European breeds showed more sensitive to thermal stress. In the thermal gradient study, Anglo-nubian and Boer goats showed more adapted than the Saanen and Alpine goats. The European goats showed lower in rank than the African goats, when submitted to the heat tolerance test of Rhoad, Benezra, Dowling, Rauschenbach & Yerokhin, Amakiri & Funcho and Baccari Júnior. The difference in the physiologic reaction between the European and African goats, meantime the adaptability tests, showed there were genetic differences in the anatomophisiologic feature that affect the termorregulation of the animals. In the Metropolitan region of Rio de Janeiro, the animal can be suffer critical situation for their development. The incidence of sun radiation, by morning and afternoon period, affected less the African goats or their cross breed than the European goats and their cross breed, with more European genes, that showed more sensitive to the thermal stress. The application of the Anglo-nubian and Boer breeds with goal to increase the production in the hot and humid climate can be an alternative for the Metropolitan region of Rio de Janeiro, Baixada Fluminense.
Keywords: Clima tropical úmido
gradiente térmico
parâmetros fisiológicos
testes de tolerância ao calor
Heat tolerance tests
humity tropical region
physiology parameters
thermal gradient
???metadata.dc.subject.cnpq???: Zootecnia
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Zootecnia
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Zootecnia
Citation: MEDEIROS, Luís Fernando Dias. Avaliação de características de adaptabilidade de caprinos exóticos na Baixada Fluminense, Estado do Rio de Janeiro. 2013. 151 f. Tese (Doutorado em Ciências) - Instituto de Zootecnia, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica - RJ, 2013.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/3239
Issue Date: 22-Mar-2013
Appears in Collections:Doutorado em Zootecnia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013 - Luís Fernando Dias Medeiros.pdfDocumento principal1.24 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.