???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/1803
???metadata.dc.type???: Tese
Title: As transformações da paisagem na estrutura e diversidade florestal em uma unidade de conservação no sudeste do Brasil
Other Titles: The landscape changes in the structure and forest diversity in a conservation unit in Southeastern Brazil
???metadata.dc.creator???: Pessoa, Mayara Maria de Lima 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Magalhães, Luis Mauro Sampaio
???metadata.dc.contributor.referee1???: Fernandez, Alexandra Pires
???metadata.dc.contributor.referee2???: Feliciano, Ana Lícia Patriota
???metadata.dc.contributor.referee3???: Oliveira, Rogério Ribeiro de
???metadata.dc.contributor.referee4???: Freitas, Welington Kiffer de
???metadata.dc.description.resumo???: Como forma de apontar diretrizes e práticas voltadas para o manejo adequado e conservação do Parque Estadual da Pedra Selada, RJ, a referente tese buscou a compreensão das relações entre a transformação da paisagem e a sociedade, apoiando-se no entendimento das alterações no uso e ocupação do solo, com o auxilio da dinâmica da paisagem e no conhecimento destas mudanças sobre a estrutura e diversidade na Floresta Montana do PEPS, localizada nos municípios de Resende e Itatiaia, Rio de Janeiro. Na dinâmica da paisagem foram utilizadas imagens Landsat 5 sendo elaborados mapas de uso e ocupação do solo numa cronossequência de 30 anos. Para o conhecimento da florística e estrutura foram alocadas 12 parcelas ao longo do PEPS, totalizando 12 parcelas com dimensão de 30 m x 20 m (600 m²), o que correspondeu à aproximadamente 0,72 ha de amostragem. As espécies foram distribuídas em grupos ecológicos, Pioneiras, Secundárias iniciais, Secundárias tardias e Climácicas. Para designar as síndromes de dispersão das espécies adotou-se a classificação em Zoocóricas, Anemocóricas e Autocóricas. Para as comparações florísticas entre as parcelas e entre outros 11 estudos realizados em áreas de Floresta Ombrófila Densa no Sudeste, Sul e Nordeste do Brasil, foi empregada a análise de agrupamento, utilizando como medida a distância euclidiana. Para a análise da diversidade florística foi utilizado o índice de diversidade de Shannon (H’). A partir da Circunferência à Altura do Peito (CAP) foram calculadas as variáveis de estrutura fitossociológica Densidade Absoluta (DA), Densidade Relativa (DR), Frequência Absoluta (FA), Frequência Relativa (FR), Dominância Absoluta (DoA), Dominância Relativa (DoR), Valor de Importância (VI) e Valor de Cobertura (VC). Foram amostrados 1270 indivíduos, distribuídos em 45 famílias botânicas, 99 gêneros e 203 espécies. As famílias botânicas mais representativas foram Lauraceae, Fabaceae, Myrtaceae, Rubiaceae e Melastomataceae.O índide de diversidade foi 4,22 nats/ind. As dez espécies que apresentaram maior valor de importância no Parque Estadual da Pedra Selada foram Euterpe edulis Clethra scabra , Sorocea hilarii, Psychotria velloziana, Croton floribundus, Dicksonia sellowiana, Alchornea triplinervia, Piptocarpha sp.1, Casearia sylvestris e Cabralea canjerana. apresentou padrão florístico semelhante ao das Florestas Montanas do Sudeste do Brasil, sendo essencial a preservação de áreas ao longo de toda a distribuição do PEPS, bem como a necessidade de estudos posteriores nas diferentes cotas altitudinais, objetivando a compreensão de alternativas de conservação e manejo dos recursos florestais naturais presentes nesta importante unidade de conservação. Os resultados sugerem que o PEPS encontra-se em estágio médio de sucessão, demonstrando também a importância de um manejo adequado na proteção de espécies como Euterpe edulis e Dicksonia sellowiana, de forma a garantir a manutenção desta importante unidade de conservação para o Estado do Rio de Janeiro.
Abstract: In order to point out guidelines and practices towards the proper management and conservation of the State Park of Pedra Selada, RJ, the referent thesis sought to understand the relationship between the landscape’s and society’s transformation, relying on the understanding of changes in the use and occupation of the soil, with the help of landscape dynamics and the knowledge of these changes on the structure and diversity in the montane forest of PEPS, located in the municipalities of Resende and Itatiaia, Rio de Janeiro. For the landscape dynamic, Landsat 5 images were used, with the elaboration of maps for use and land occupation in a 30 years chronosequence. For floristic and structure study 12 installments were placed throughout the PEPS, in a total of 12 plots with size of 30 m x 20 m (600 m²), which corresponded to approximately 0.72 ha of sampling. The species were distributed in Ecological groups, Pioneers, Early secondary, Late secondary and Climax. To designate the dispersion syndromes of species the classification Zoochorous, Anemochoric and Autochorous were adopted. For floristic comparisons between plots and between 11 other studies in Dense Ombrophilous Forest areas in the Southeast, South and Northeast of Brazil, the cluster analysis was employed, using the Euclidean distance as a measure. For the analysis of floristic diversity, the Shannon diversity index (H ') was utilized. From the circumference at breast height (CAP) were calculated the variables of phytosociological structure, Absolute Density (DA), Relative Density (RD), Absolute Frequency (FA), Relative Frequency (RF), Absolute Dominance (DoA), Relative Dominance (DoR), Importance Value (IV) and Coverage Value (VC). 1270 individuals, distributed in 45 botanical families, 99 genera and 203 species were sampled. The most representative botanical families were Lauraceae, Fabaceae, Myrtaceae, Rubiaceae and Melastomataceae. The diversity index was 4.22 nats / ind. The ten species with the highest importance value in the State Park of Pedra Selada were Euterpe edulis Clethra scabra, Sorocea hilarii, Psychotria velloziana, Croton floribundus, Dicksonia sellowiana, Alchornea triplinervia, Piptocarpha sp.1, Casearia sylvestris e Cabralea canjerana. The Park presented a floristic pattern similar to the Montanas forests of Southeastern Brazil, therefore, it is essential the preservation of areas throughout the entire PEPS distribution, as well as the need of further studies in different altitudinal quotas, aiming to understand alternatives to conservation and to management of natural forest resources present in this important conservation unit. The results suggest that the PEPS is in a middle succession stage, also demonstrating the importance of proper management for the protection of species such as Euterpe edulis and Dicksonia sellowiana, to ensure the maintenance of this important conservation unit for the State of Rio de Janeiro
Keywords: Landscape
land use
Atlantic Forest
floristic
phytossociology
diversity
Paisagem
uso do solo
Floresta Atlântica
floristica
fitossociologia
diversidade
???metadata.dc.subject.cnpq???: Ciências Agrárias
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Florestas
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais e Florestais
Citation: Pessoa, Mayara Maria de Lima. As transformações da paisagem na estrutura e diversidade florestal em uma unidade de conservação no sudeste do Brasil. 2016. [101 f.]. Tese( PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS E FLORESTAIS) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, [Seropédica-RJ] .
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/1803
Issue Date: 31-Mar-2016
Appears in Collections:DOUTORADO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS E FLORESTAIS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016 - Mayara Maria de Lima Pessoa.pdf2016 - Mayara Maria de Lima Pessoa2.73 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.