???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/1344
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Adubação nitrogenada em mandioca (Manihot esculenta Crantz): efeitos sobre o crescimento da cultura
Other Titles: Nitrogen fertilization in cassava (Manihot esculenta Crantz): effects on crop growth
???metadata.dc.creator???: SOUZA, Eva Aparecida de 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Rossiello, Roberto Oscar Pereyra
???metadata.dc.contributor.referee1???: Lima, Eduardo
???metadata.dc.contributor.referee2???: Parraga, Mário Sosa
???metadata.dc.description.resumo???: A mandioca é uma das principais fontes de carboidratos nos trópicos, fazendo parte da alimentação básica de cerca de 500 milhões pessoas, principalmente em países em desenvolvimento. Estudos com adubação nitrogenada em mandioca são escassos. O presente trabalho objetivou-se avaliar o efeito de fontes e níveis de adubos nitrogenados sobre o acúmulo de matéria seca e distribuição de nitrogênio nas raízes e parte aérea da cultura da mandioca. O experimento foi instalado na Estação Experimental de Itaguaí (PESAGRO-RJ), sobre um solo Podzólico Vermelho-Amarelo distrófico, no periodo de maio de 1999 a junho de 2000. Utilizou-se o delineamento de blocos ao acaso no esquema fatorial 3 x 5 com quatro repetições. Foram avaliadas três fontes de nitrogênio: uréia, nitrocálcio e sulfato de amônio, combinadas em cinco níveis de aplicação de N: 0; 60; 120; 160 e 200 kg N ha-1. Cada parcela apresentou 64 m2 com 12 sulcos, espaçados de 1,0 m. O plantio foi realizado em 28/05/1999, usando-se manivas da cultivar Saracura, obtidas de fonte comercial da região produtora de Santa Cruz, município do Rio de Janeiro. As doses de N foram aplicadas parceladamente, sendo metade por ocasião do plantio e a outra metade aos nove meses após o plantio. Foram realizadas coletas de material vegetal aos sete, onze e aos treze meses após plantio para determinar as seguintes variáveis: massa seca, N-total, proteína bruta, N-amino, N-nitrato e açúcares solúveis de raízes, folhas e caule. Aos sete meses após o plantio, a ureia apresentou maior valor de massa seca total. Aos 13 meses, nitrocálcio e sulfato de amônio proporcionaram rendimento de massa seca de raiz 20% superior ao da uréia. A aplicação de 30 kg N ha-1 resultou em um aumento de 11% no teor de N em folhas. O teor de N em folhas foi aproximadamente sete vezes maior ao N da raiz. Durante o período de crescimento da cultura, houve uma resposta da mesma à aplicação de N, podendo se comportar como uma espécie eficiente pouco responsiva.
Abstract: Cassava (Manihot esculenta Crantz) is one of the main sources of carbohydrates for human food in the tropics, part of the staple food of about 500 million people, mainly in developing countries. The literature on cassava nitrogenous fertilization is scarce. This study aimed to evaluate the effects of levels and nitrogenous fertilizer sources on dry matter and nitrogen accumulation in roots and aerial parts of cassava. The experiment was conducted at the Experimental Station of Itaguaí/PESAGRO-Rio in Seropédica, State of Rio de Janeiro, on a Red-Yellow Podzolic soil, in the period May 1999 to June 2000. The design of the field experiment was in randomized blocks with four repetitions, in a 3 x 5 factorial outline, made up of by three N sources (urea, nitrocalcium and ammonium sulphate) and five N levels (0, 60, 120, 180 and 200 kg N ha-1). Each plot had 64.0 m2 with 12 grooves, spaced at 1.0m. The planting was carried out on 28/05/1999 with cuttings of cultivar Saracura. The nitrogen levels were divided into two applications, the first half was applied planting and other half was applied 9 month later. Plants were harvested at 07, 11 and 13 months after planting and determined dry matter, total nitrogen, nitrate-N, amino-N, crude protein and soluble sugars in roots, leaves and stem. To 7 months after planting, urea showed higher total dry matter value. At 13 months, nitrocalcium and ammonium sulphate provided dry matter root yield 20 % higher than the urea. The N content in leaves was approximately 7 times bigger those the N root contents. The application of 30 kg N ha-1 resulted in increase of 11% in leaf N content. There was a cassava response to N application and can behave as a specie efficient responsive little.
Keywords: Nitrogen
Dry matter
Manihot esculenta Crantz
Nitrogênio
Matéria seca
???metadata.dc.subject.cnpq???: Agronomia
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Agronomia
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Agronomia e Ciência do Solo
Citation: SOUZA, Eva Aparecida de. Adubação nitrogenada em mandioca (Manihot esculenta Crantz): efeitos sobre o crescimento da cultura. 2000. 33f. (Mestrado em Agronomia, Ciência do Solo). Instituto de Agronomia, Departamento de Solos, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, RJ, 2000
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/1344
Issue Date: 29-Sep-2000
Appears in Collections:MESTRADO EM AGRONOMIA - CIÊNCIA DO SOLO

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2000 - Eva Aparecida de Souza.pdfDocumento principal496.86 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.