???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/5490
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Caulim na alimentação de poedeiras comerciais no final do ciclo produtivo
Other Titles: Kaolin in feeding commercial laying hens at the end of the productive cycle
???metadata.dc.creator???: Reis, Túlio Leite 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Calixto, Ligia Fatima Lima
First advisor-co: Fassani, Édison José
???metadata.dc.contributor.referee1???: Calixto, Ligia Fatima Lima
???metadata.dc.contributor.referee2???: Curvello, Fernando Augusto
???metadata.dc.contributor.referee3???: Vieites, Flávio Medeiros
???metadata.dc.contributor.referee4???: Moraes, José Evandro de
???metadata.dc.contributor.referee5???: Togashi, Cristina Kimie
???metadata.dc.description.resumo???: O objetivo deste trabalho foi investigar a inclusão de níveis de caulim na ração de galinhas poedeiras semipesadas no final do ciclo produtivo e sua influência sobre os parâmetros de desempenho, qualidade dos ovos, qualidade óssea, morfologia intestinal, peso dos órgãos do trato gastrointestinal, umidade das excretas, digestibilidade aparente da matéria seca e a viabilidade econômica. Foram alojadas 288 galinhas semipesadas, ainda na fase de recria (14 semanas). As aves foram distribuídas em delineamento inteiramente casualizado, com seis tratamentos, de oito repetições, contendo seis aves por repetição. Quando as aves atingiram a idade de 63 semanas de idade, iniciou-se o fornecimento das rações experimentais, que se diferenciavam pela inclusão de níveis crescentes de caulim: Controle (sem a inclusão do aditivo); T2: inclusão de 1% de caulim na dieta; T3: inclusão de 2% de caulim na dieta; T4: inclusão de 3% de caulim na dieta; T5: inclusão de 4% de caulim na dieta e T6: inclusão de 5% de caulim na dieta. A morfologia intestinal foi avaliada através da altura das vilosidades, profundidade de cripta e relação vilo: cripta; o desempenho foi medido pela produção de ovos por ave por dia (em porcentagem), peso médio dos ovos, consumo de ração, conversão alimentar por massa e por dúzia de ovos produzidos e a viabilidade das aves; os parâmetros de qualidade dos ovos foram o peso, unidade Haugh, índice de gema, pigmentação da gema, pH da gema e do albúmen, porcentagem de componentes do ovo (casca, albúmen e gema), espessura da casca, gravidade específica e resistência à quebra da casca. Foi mensurada a digestibilidade aparente da matéria seca, matéria mineral e níveis de cálcio, fósforo e umidade das excretas, assim como o peso absoluto dos órgãos do trato gastrointestinal e a qualidade óssea, medida através do índice Seedor, resistência a quebra e matéria mineral da tíbia. A viabilidade econômica do aditivo testado, foi avaliada através do preço por quilograma de ração, preço da ração consumida por dia, custo da ração por dúzias de ovos produzidos, rentabilidade e custo benefício da atividade. A inclusão do caulim promoveu melhoria na altura do vilo do jejuno, possibilitando um menor consumo de ração. Não houve diferença significativa (p>0,05) para qualidade dos ovos e para o tamanho dos órgãos do trato gastrointestinal. A análise financeira revelou que quanto maior a inclusão de caulim, maior era o custo da ração e essa não promovia melhoria nos índices econômicos. A digestibilidade aparente da matéria seca foi reduzida, assim como o nível de umidade das excretas conforme se aumentou o nível de caulim na ração, a excreção de matéria mineral respondeu de forma linear (p<0,05) e a retenção de forma quadrática (p<0,05) à inclusão do caulim, não havendo diferença significativa (p>0,05) para a excreção de cálcio e fósforo. Houve melhoria de qualidade óssea (p<0,05) mensurada do índice de Seedor, não havendo diferença (p>0,05) nos demais parâmetros que avaliaram as tíbias.
Abstract: The objective of this work was to investigate the inclusion of kaolin levels in the semiheavy laying hens at the end of the productive cycle and its influence on the parameters of performance, egg quality, bone quality, intestinal morphology, gastrointestinal tract weight, of excreta, apparent dry matter digestibility and economic viability. 288 semiheavy chickens were housed, still in the rearing phase (14 weeks). The birds were distributed in a completely randomized design, with six treatments, of eight replications, containing six birds per replicate. When the birds reached the age of 63 weeks of age, the experimental rations were started, which were differentiated by the inclusion of increasing levels of kaolin: Control (without the addition of the additive); T2: inclusion of 1% kaolin in the diet; T3: inclusion of 2% kaolin in the diet; T4: inclusion of 3% kaolin in the diet; T5: inclusion of 4% of kaolin in the diet and T6: inclusion of 5% of kaolin in the diet. The intestinal morphology was evaluated through villus height, crypt depth and villus: crypt ratio; performance was measured by egg production per day (percentage), mean egg weight, feed intake, feed conversion per mass and per dozen eggs produced and the viability of the birds; egg quality, egg mass, Haugh unit, yolk index, yolk pigmentation, yolk and albumen pH, percentage of egg components (shell, albumen and yolk), shell thickness, specific gravity and shell strength. The apparent digestibility of dry matter, mineral matter and levels of calcium, phosphorus and moisture of the excreta was measured, as well as the absolute weight of the organs of the gastrointestinal tract and the bone quality, measured by the Seedor index, breaking resistance and mineral matter tibia. The economic viability of the tested additive was evaluated through the price per kilogram of feed, the price of the feed consumed per day, the cost of the feed for dozens of eggs produced, profitability and cost of the activity. The inclusion of kaolin promoted an improvement in the height of the jejunum, allowing a lower feed intake. There was no significant difference (p>0,05) in egg quality and size of organs of the gastrointestinal tract. The financial analysis revealed that the higher the kaolin addition, the higher the cost of the feed and this did not promote improvement in the economic indexes. The apparent digestibility of the dry matter was reduced, as well as the moisture level of the excreta as the level of kaolin in the diet increased, the mineral matter excretion responded linearly (p <0.05) and retention in quadratic form (p<0,05) to the inclusion of kaolin, and there was no significant difference (p>0,05) for calcium and phosphorus excretion. There was improvement in bone quality (p<0,05) measured in the Seedor index, with no difference (p>0.05) in the other parameters that evaluated this structure.
Keywords: Argila
Morfologia intestinal
Qualidade óssea
Clay
Intestinal morphology
Bone quality
???metadata.dc.subject.cnpq???: Zootecnia
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Zootecnia
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Zootecnia
Citation: REIS, Túlio Leite. Caulim na alimentação de poedeiras comerciais no final do ciclo produtivo. 2019. 57 f. Tese (Doutorado em Zootecnia) - Instituto de Zootecnia, Departamento de Produção Animal, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, 2019.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/5490
Issue Date: 2-Jul-2019
Appears in Collections:Doutorado em Zootecnia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019 - Túlio Leite Reis.pdf1.31 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.