???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/1326
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Função tireoidea em ratos machos e fêmeas submetidos ao exercício isométrico e a privação de sono paradoxal
Other Titles: Thyroid function in male and female rats submitted to isometric exercise training and paradoxical sleep deprivation
???metadata.dc.creator???: OLIVEIRA, Joyce Mattos de 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Marassi, Michelle Porto
First advisor-co: Silva, Alba Cenélia Matos da
???metadata.dc.contributor.referee1???: Reis, Luis Carlos
???metadata.dc.contributor.referee2???: Fortunato, Rodrigo Soares
???metadata.dc.description.resumo???: A vida moderna tem diminuído o tempo de sono da maioria da população e as consequências dessa redução têm sido estudadas em humanos e modelos animais. Já o papel da tireóide na privação de sono associada com exercícios de força não está bem estabelecido, pois não tem sido estudado. Este estudo, no entanto, tem como objetivo avaliar o efeito protetor do exercício de força sobre a função tireoidiana em ratos após a privação de sono paradoxal (PSP) por 24 e 96 horas assim como o sono rebote de 24 horas. Para a realização deste trabalho, foram utilizados ratos machos e fêmeas Wistar (200-250g) submetidos a privação de sono pela metodologia das plataformas múltiplas modificadas e o exercício isométrico foi feito pela metodologia da caixa invertida proposta por Lac & Cavalie (1999). Os animais machos foram distribuídos em 6 grupos: Controle (C n=8 machos; fêmeas, n=13); Treinado (T=8 machos; fêmeas, n=13); Treinado com Privação de sono paradoxal por 24 horas e 96 horas (TPSP24 e TPSP96 n=10, machos; fêmeas, n=13); Treinado com Privação de sono paradoxal por 24 horas e 96 horas mais período de sono rebote por 24 horas (TPSP24R e TPSP96R n=10, machos; fêmeas, n=13). Os animais foram adaptados ao exercício de força por 5 dias, onde era constituído por 5 séries de 30 segundos de força com intervalos de descanso por 25 segundos entre as séries. Após a adaptação, foi adicionado um peso extra na cauda desses animais. Todos os animais foram eutanasiados no mesmo dia, o sangue coletado para análise de T3 ng/dL, T4 μg/dL, e TSH ng/mL pela técnica de Radioimunoensaio. Aprovação pelo comitê de ética da UFRRJ Nº003/2015. Após análise, observamos perda do peso corporal tanto nas fêmeas quanto nos machos e uma diminuição no peso relativo da hipófise apenas nos machos do grupo T. Por outro lado, o peso relativo da adrenal se manteve reduzido no grupo T dos machos e aumentado no grupo T e TP24 das fêmeas. Os níveis séricos de TSH nos machos aumentaram com o exercício nos grupos T, normalizando com a privação de 24 horas e retornando ao aumento no grupo TP24R. A PSP foi capaz de provocar um aumento nos níveis de T3 nos grupos TP24 e TP96 dos machos, e nas fêmeas não foi observado alterações significativas. Quanto aos valores de T4 nos machos, não foi constatado alterações significativas e nas fêmeas a PSP foi capaz de elevar tais valores. Sugerimos que o exercício de força esteja contribuindo para a proteção dos impactos agressivos causados pela privação de sono paradoxal na fisiologia endócrina tanto em machos quanto em fêmeas.
Abstract: Modern life has diminished the sleep time for the majority of the population, and the consequences of this reduction have been studied both in humans and animal models. In spite of this, only a few studies elucidate the effect sleep deprivation has on the thyroid function, as well as studies on any role exercise might have in the prevention of such alterations. The objective of this study is to assess the protective effect of the strength exercise on the thyroid function in rats that went through paradoxical sleep deprivation for 24 and 96 hours, as well as a rebound sleep for 24 hours. For this study male and female Wistar rats were used (200-250g), submitted to sleep deprivation using the modified multiple platforms, and the isometric exercise was offered by the inverted box proposed by Lac & Cavalie (1999). The animals were distributed in 6 groups: Control (C, males n=8, females = 13); Trained (T, males n=8; females n=13), Trained, with Sleep Deprivation of the paradoxical sleep for 24 and 96 hours (respectively TPSP24 e TPSP96 males n=10; females n=13); Trained with Sleep Deprivation for 24 and 96 hours, plus a rebound sleep for 24 hours (TPSP24R e TPSP96R males n=10; females n=13). All animals went through and adaptation to the strength exercise for 5 days, enduring 5 series of 30 seconds of strength with rest periods of 25 seconds between each series. After adaptation, an extra weight was added to the animal's tail. All animals were killed on the same day and their blood was collected for analysis of T3 (ng/dL), T4 (ug/dL), e TSH (ng/mL) using the radioimmunoassay technique. Ethics committee approval was granted by number UFRRJ Nº003/2015. After the statistical analysis we observed a significant body weight loss, both in females and males, and a relative loss in hypophysis weight in males from group T. On the other hand, the relative weight of the adrenal was reduced in the T group of males, and increased in both the T and TP24 groups of females. In males, seric TSH levels have risen with the exercise, normalizing after the deprivation of 24 and 96 hours, and the rebound in the PS96 group. The PSP was able to induce a raise in the T3 level in the groups TP24 and TP96 in males – no significant alterations were observed in females. As for the seric T4 in males, there was no alteration, although in females the 24 hours PSP was able to rise those values. This study indicates a protective effect by the isometric exercise, preventing TSH and seric T4 and T3 alterations induced by deprivation of the paradoxical sleep. As such more studies are necessary to clarify the mechanisms involved in such protection
Keywords: Thyroid
strength exercise
sleep deprivation
Tireoide
Exercício de força
Privação de sono paradoxal.
???metadata.dc.subject.cnpq???: Fisiologia e Farmacologia
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
???metadata.dc.publisher.initials???: UFRRJ
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Ciências Fisiológicas
Citation: OLIVEIRA, Joyce Mattos de. Função tireoidea em ratos machos e fêmeas submetidos ao exercício isométrico e a privação de sono paradoxal. 2016. 90 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Fisiológicas), Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, RJ. 2016.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufrrj.br/jspui/handle/jspui/1326
Issue Date: 31-Mar-2016
Appears in Collections:MESTRADO EM CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016 - Joyce Mattos de Oliveira.pdfDocumento principal2.2 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.